Tag: dicas de viagem


Hotel em São Paulo: Blue Tree Premium Paulista

Final de semana passado viajei para um evento e queria fazer uma resenha do hotel em São Paulo que eu fiquei, o Blue Tree Premium Paulista e também indicar alguns restaurantes para quem vai visitar a cidade. Nesse post vou falar do hotel com um review completo e em outros posts vou indicar os restaurantes, só para ficar mais organizado aqui no blog.

Hotel em São Paulo: Blue Tree Premium Paulista

Fui em uma viagem rápida de apenas três dias e já com a agenda praticamente cheia, por sorte todos os meus compromissos eram pertinhos, próximos à famosa Av. Paulista e na região do bairro Jardins. Como estava com vários compromissos marcados, procurei um hotel que fosse próximo de tudo, afinal ouvimos falar muito do trânsito de São Paulo. Para não perder muito tempo no trânsito, achei que um hotel próximo do que precisava fazer seria o ideal.

E foi aí que encontre o Blue Tree Premium Paulista, ele fica na Rua Peixoto Gomides, n˚ 707 e se você é como eu que não conhece nada dos endereços de São Paulo, ele fica duas quadras da Avenida Paulista e do ladinho do Masp em São Paulo, tão perto que ele foi meu vizinho ao olhar pela janela e sacada do quarto que fiquei no 23˚ andar:

Hotel do lado do MASP em São Paulo

O MASP, vista da sacada do hotel Blue Tree Premium Paulista do quarto que fiquei.

• Hotel em São Paulo: Blue Tree Premium Paulista

Blue Tree Premium Paulista

O Blue Tree Premium Paulista fica pertinho da Av. Paulista, mesmo para quem não vai a trabalho e quer ficar em uma região bem localizada, achei ótimo. A região tem shoppings, restaurantes, cafés e não está longe de outra rua super famosa de SP, a Oscar Freire.

 

Hotel em São Paulo - Blue Tree

Fiquei foi no apartamento Deluxe Premier Twin do hotel em São Paulo, que tem duas camas e é bem espaçoso, com uma escrivaninha, uma poltrona e uma decoração que mistura um pouco do clássico ao moderno. O banheiro também é espaçoso com espelho grande e um ótimo chuveiro e banheira. Com TV e wi-fi incluso tive uma estadia aconchegante e confortável no hotel.

O hotel também tem um restaurante e serve café da manhã, o restaurante acabei não tendo tempo de conhecer para o almoço e jantar, mas conto e mostro mais sobre o café da manhã logo abaixo.

 

Confira mais fotos do Deluxe Premier Twin no hotel Blue Tree Premium em São Paulo, que fiquei durante o final de semana em São Paulo.

Hotel em São Paulo - av Paulista

Achei o quarto confortável e espaçoso para duas pessoas e mais umas malas. Pode parecer frescura, mas para quem adora um espelho para conferir o look, adorei que tinha um espelho para corpo todo no quarto e um guarda-roupas.

Nos dias de hoje em que wi-fi virou item necessário, a internet no quarto e em todo o hotel funcionou muito bem, mesmo para vídeos e Youtube.

 

Quarto no hotel Blue Tree Premium Paulista

Poltrona clássica e uma pequena sacada com vista para São Paulo:

 

Vista do quarto Hotel em SP

Hotel ao lado do MASP São Paulo

 

O banheiro também era espaço com espelho grande e um ótimo chuveiro para tomar aquele banho relaxante no fim do dia.

Banheiro do Blue Tree Premium Paulista

 

• Café da manhã no hotel em São Paulo:

Hotel próximo à Av. Paulista - Café da manhã

Acho a praticidade do café da manhã no hotel super útil, mesmo em São Paulo com a variedade de cafés e lugares para conhecer, você tem várias outras refeições ao longo do dia para aproveitar a cidade.

Na foto acima, mini panquecas com calda de frutas vermelhas que eu montei para meu café da manhã e até que ficaram fotogênicas. rs

 

Café da manhã no Blue Tree Premium Paulista

 

O café da manhã do Blue Tree Premium Paulista era no estilo buffet com uma variedade de pães, frios, frutas e bolos:

Hotel em SP

Hotel em São Paulo - Café da manhã

Café no hotel Blue Tree Paulista

 

• Espaços de lazer no hotel Blue Tree Premium Paulista:

Hotel próximo à Paulista

O hotel conta conta com alguns espaços como uma piscina, uma pequena academia e salas de reunião para quem vai a trabalho.

 

Hotel com piscina em São Paulo

Hotel em São Paulo

 

Hotel próximo à Avenida Paulista

 

Resumo da minha resenha e estadia no Blue True Premium Paulista: Achei o hotel muito bem localizado em São Paulo, ótima região e ideal para quem quer viajar com conforto e comodidade. Com uma boa variedade para o café da manhã e wi-fi rápido, achei uma ótima opção de hotel em São Paulo.


• Hotel em São Paulo: Blue Tree Premium Paulista

Site: www.bluetree.com.br

Tel.: 55 (11) 3147-7000

Endereço: Rua Peixoto Gomide, 707, Cerqueira César • SP • São Paulo • 01409-001

Reserve sua hospedagem no Blue Tree Premium Paulista através do Booking.com.


Rotterdam em um dia (Holanda/Países Baixos)

Se você está planejando uma viagem aos Países Baixos (Netherlands), Rotterdam ou também chamada de Roterdã em português, é uma das principais cidades de lá e fica na Holanda do Sul, conhecida por sua arquitetura super moderna, por isso vale a visita, mesmo que rápida. E se você quer visitar a cidade, mas não tem muito tempo, separei um roteiro de um dia em Rotterdam que eu fiz no começo do ano, com os principais pontos turísticos da cidade.

Rotterdam: Roterdã em um dia

 

• Rotterdam: Roteiro de um dia em Roterdã

Rotterdam

Quem costuma viajar pela Europa provavelmente está acostumado a paisagens de arquitetura mais antiga, pense em Itália, França e até Reino Unido, a Europa bem turística costuma ter aquela arquitetura clássica ou antiga que está lá há muitos anos. Em Rotterdam, prepare-se para uma boa dose de modernidade!

Um pouco sobre Rotterdam:

Roterdã é a segunda maior cidade dos Países Baixos, apenas atrás da capital Amsterdã, e com arquitetura super moderna. A sua arquitetura moderna foi criada após a Segunda Guerra Mundial, infelizmente, o centro da cidade foi praticamente inteiro destruído durante a guerra e, atualmente, existem apenas dois prédios históricos em seu centro que datam de antes da Guerra, falo deles mais para frente aqui no post.

Rotterdam também tem um dos maiores portos da Europa (o Rotterdam Port), é a sede da Erasmus University, um dos principais cartões postais da cidade é a Erasmus Bridge e o Markthal Rotterdam, o famoso mercado (market hall) de Roterdã. Outro ponto super famoso na arquitetura da cidade são as casas cubo (se você ainda não me acompanha no Instagram, já mostrei lá @manuluize). Logo abaixo comento mais sobre cada um deles, como chegar, o que fazer por lá e informações mais práticas.

Por ter a Erasmus University, Rotterdam é considerada uma cidade universitária, com uma vida noturna agitada de bares e baladas, mas também com muitas lojas internacionais como Forever 21, H&M, Primark, Mango e etc. Ou seja, você pode ter muito o que fazer na cidade, mas separei os principais pontos que você não pode perder em um roteiro de um dia em Roterdã.

 

Roterdã

A língua da cidade é o holandês, se assim como eu, você não fala a língua nem alemão, não dá pra entender praticamente nada, mas não se preocupe, todo mundo fala inglês! Em lojas, restaurantes, no mercado de Rotterdam, nas ruas e pontos turísticos, é super fácil de se comunicar no inglês. Máquinas para comprar bilhetes de trem e metrô também tem a opção de pelo menos em inglês, ufa!

Eu sempre gosto de saber umas palavrinhas na língua local na hora de viajar para algum país, como um “bom dia”, “boa noite”, “oi” ou perguntar se a pessoa fala inglês, juro que tentei decorar no holandês, mas na falta de tempo acabou não dando certo, mas se você está com tempo, separei esse vídeo Greetings in Dutch.

 

• Principais pontos turísticos de Rotterdam:

Rotterdam uma cidade moderna

Roterdã é uma cidade super moderna e muitos prédios de vidro podem ser avistados por toda a cidade. Confira seus principais pontos turísticos:

• Rotterdam Port, um dos maiores portos da Europa

• Erasmusbrug (Erasmus Bridge)

• Markthal Rotterdam (Market Hall / Mercado de Roterdã)

• Grote of Sint-Laurenskerk (Igreja protestante, uma das pouquíssimas construções antigas do centro da cidade)

• Kijk Kubus (Cube House – As Casas Cubo)

• Euromast (torre)

• SS Roterdam (barco com museu e restaurante, o museu tem entrada paga, mas você não paga nada para ir aos restaurantes – site)

 

• Roteiro: Um dia em Rotterdam

Rotterdam: Estação de Trem

Se você chega de trem à Roterdã, é ao sair da própria estação que você já vê a arquitetura moderna da cidade. A Estação Central de Rotterdam (na foto acima), também tem estação de metrô. Nesse roteiro de um dia em Roterdã, você pode ir de manhã cedinho se estiver hospedado em uma cidade próxima e passar o dia ou então se ficar hospedado em Rotterdam, pode aproveitar para conhecer um pouco dos bares e baladas da cidade. (more…)


Dica de Milão: Pasticceria Marchesi

Dica imperdível em Milão para quem adora gastronomia e quer conhecer uma das mais famosas e tradicionais confeitarias de Milão, a Pasticceria Marchesi. Criada em 1824 e adquirida pelo grupo da Prada, a confeitaria agora tem dois endereços na cidade italiana.

Pasticceria Marchesi: Dicas de Milão

 

• Pasticceria Marchesi em Milão

Dicas de Milão: Pasticceria Marchesi

Super tradicional confeitaria de Milão, a Pasticceria Marchesi foi fundada em 1824 e até hoje fica no mesmo endereço, sendo uma confeitaria histórica e até símbolo da cidade. Com tanta tradição, assim que estive pela região, passei por lá para conhecer.

A pasticceria (palavra italiana para “confeitaria”) começou realmente apenas com uma confeitaria com doces e após 1900 também passou a ser um café. O endereço tradicional, na Via S. Maria alla Porta 11/a, é o mesmo desde sua abertura e lá é mais um “café rápido” sem lugar para sentar ou só para levar algo para casa/hotel (que a propósito é embrulhado nessa embalagem fofa do início do post com muito capricho).

 

Doces em Milão: Pasticceria Marchesi

Sobre os doces da confeitaria Marchesi: deliciosos! Realmente a confeitaria tem tradição por merecer, fui conhecer o endereço tradicional e experimentei alguns lá, não resisti, tive que levar outros para mais tarde. rsrs

Sobre valores, preço normal, para vocês terem uma ideia, essa bandejinha de doces o preço era por peso e custou apenas 5 €. (E eles eram deliciosos mesmo.)

 

• Endereços da Pasticceria Marchesi:

Pasticceria Marchesi

imagem: Pasticceria Marchesi

  • Endereço tradicional: Via S. Maria alla Porta 11/a, 20123 Milano (Não abre às segundas-feira).
  • Segundo endereço: Via Monte Napoleone 9, 20121 Milano.
  • Terceiro endereço: Galleria Vittorio Emanuele II. Milano.

O segundo endereço é o novo endereço aberto em 2015, após a confeitaria ter sido adquirida pela Prada. Diferente do endereço tradicional, o novo tem espaço com mesas e um design que é a cara da Prada.


Lago di Garda: Sirmione – Itália

Um dos lugares mais lindos que já visitei: a cidade de Sirmione que fica no Lago di Garda no norte da Itália, uma cidade muito linda e eu achei super gostoso de passear por lá. Ruas estreitas, casas coloridas e o Lago di Garda por praticamente todos os lados. Confira tudo que você precisa saber sobre Sirmione na Itália com muitas dicas de viagem.

Lago di Garda - Sirmione

 

Quem está planejando uma viagem ao norte da Itália não pode deixar de conhecer o Lago do Garda e a cidade de Sirmione é uma opção linda. Sirmione é uma cidade pequena, que é considerada “a joia do Lago di Garda”, com ruínas romanas e um castelo medieval com uma vista incrível para o lago, simplesmente amei essa cidade italiana.

Confira todas as minhas dicas de o que fazer na cidade, como chegar lá e várias dicas de viagem no vídeo logo abaixo. Se preferir, pule o vídeo e leia tudo aqui no texto após o vídeo.

• O que fazer em Sirmione?


Vídeo: Turismo Lago di Garda – Sirmione na Itália.

O Lago di Garda é o maior lago da Itália com 370 km2 e banha 20 cidades diferentes, Sirmione é uma península que fica ao sul do lago. Considerada como uma das cidades mais bonitas do lago, Sirmione fica na província de Brescia, na Lombardia, e uma cidade grande que fica próxima é Verona.
Os principais pontos turísticos de Sirmione ficam no seu centro histórico, que fica no final da península, ou seja, espere uma vista maravilhosa do Lago di Garda de todo lugar.

• Pontos turísticos em Sirmione – Lago di Garda:

Lago di Garda - Sirmione

Os 3 principais pontos turísticos em Sirmione e que você não pode deixar de conferir são: o próprio Lago di Garda (é claro), o castelo Rocca Scaligera e as ruínas chamadas de Grotte di Catullo (um dos lugares mais lindos que já visitei e com vistas maravilhosas das ruínas e do Lago di Garda). Primeiro vou falar um pouquinho de cada um deles e no final do post você confere algumas dicas de como chegar em Sirmione.

• Lago di Garda:

Lago di Garda - Sirmione

Se você vai ao Lago di Garda, é claro que o próprio lago é um dos principais pontos turísticos. Visitei Sirmione em maio de 2014 e, pelo menos durante a primavera, as águas são super claras e limpas. Como dá para notar na foto da península (a penúltima foto), o lago está pertinho de qualquer lugar, desde sua chegada ao centro histórico ao passear por lá, é impossível não avistá-lo. (more…)


Inverno: Look para viajar e dicas para não se congelar

Quando você está viajando, se você é só um pouquinho como eu, quer conhecer tudo e aproveitar bem o seu tempo de viagem, certo? Para isso, looks confortáveis são necessários, mas isso não quer dizer que você precisa sair de “calça jeans e tênis” o tempo todo. Estive viajando pelos últimos meses aqui pela Itália durante o inverno e resolvi separar algumas dicas práticas de o que usar no inverno para viajar, especialmente para quem saí do Brasil e não quer passar frio no inverno do hemisfério norte.

Look de inverno para viajar

Look do dia que usei aqui em Bassano Del Grappa na Itália, um vestido de lã, casaco de lã, botas e um super cachecol. Como usar vestido e meia calça com 0˚C? Confira todas as minhas dicas aqui no post.

 

• Dicas para looks de inverno em viagens:

Manu Luize - Look inverno

 

• Confira as temperaturas médias

Dicas looks de via gem no inverno

Minha primeira dica sempre começa com dar uma olhada na média de temperaturas do inverno da cidade ou cidades que você vai visitar, alguns invernos são mais amenos outros mais frios. Além das temperaturas, também dê uma olhada se costuma chover muito ou nevar. Um bom site é o Accurate Weather, que você consegue dar uma olhada mesmo meses antes para ter uma ideia do frio que vai fazer naquela época em que você vai visitar a cidade.

 

• Camadas é a solução!

Look de inverno 2016

Em lugares onde o inverno é mais frio como aqui na Europa, Canadá, EUA e etc, todos os lugares tem aquecimento, hotéis, restaurantes, lojas, em todo lugar está quentinho, diferente do que costuma acontecer em alguns lugares no Brasil. Então você está visitando lugares na rua com uma média de 0˚C a 10˚C, mas qualquer lugar que você entrar estará bem quentinho, então esteja preparada para tirar o casaco (fica a dica para não sair só de pijama por baixo rsrs).

Por isso, looks em camadas são a solução perfeita! Pense em peças como suéter, coletes e casacos que você pode ir tirando quando entrar em ambientes fechados, mas que ficaram bem quentinhos do lado de fora.

 

• Não sou acostumada com o frio, o que fazer?

meia calça no inverno

Dica de ouro: tá muito frio? Use uma meia-calça por baixo da calça! Vai de vestido/saia? Aposte em uma meia-calça de lã bem quentinha ou até mesmo duas meias ao mesmo tempo. Para quem está acostumada com o inverno de Curitiba, usar um pijama por baixo ou meia-calça (sempre preferi essa opção) é algo comum por lá nos dias frios, se você saí de um lugar que não tem invernos frios no Brasil, pode apostar na dica na hora de viajar.

 

• Acessórios quentinhos

Luvas, cachecóis e palmilhas de lã podem ser seus melhores amigos ao viajar no inverno, para passar o dia visitando vários lugares em meio ao tempo frio.

Luvas de couro

Na hora de escolher as luvas, se estiver muito frio aposte em luvas de couro, as luvas de lã não são tão fechadas e às vezes são muito geladas. Os cachecóis quentinhos são perfeitos para esquentar, além de um ótimo acessório fashion para dar um destaque no look.

Já as palmilhas, que podem ser de lã ou de pele para esquentar bem são ótimas para não “congelar” o pé ou passar frio, mas mesmo as palmilhas mais simples de espuma já ajudam, além de deixar os sapatos mais confortáveis para andar por aí.

Protetor de orelhas: Especialmente em dias frios e com muito vento, eles são perfeitos!

 

E aí? Qual o seu destino? Quer mais dicas?

Confira dicas para looks no aeroporto e como passar horas em um vôo confortável! Quer dicas de destinos? Corre lá em Viagens!


Nécessaire de viagem: O que levar?

Além de arrumar toda a mala de viagem, tem aquela nécessaire de viagem que tem lugar especial em uma viagem, não é? Chega a hora de arrumar e você pensa, o que levar na nécessaire de viagem? Separei várias dicas e mostro todos os produtinhos que eu costumo levar em viagens.

Nécessaire de viagem: O que levar?

 

• Nécessaire de viagem: O que levar?

Gravei um vídeo mostrando tudo que levo e com algumas dicas de o que fazer com produtos muito grandes e como levar produtos líquidos sem medo de ser feliz. rs

Video: O que levar na Nécessaire de Viagem

• Dicas para escolher o que levar na nécessaire de viagem:

A primeira coisa a se pensar na hora de montar a sua nécessaire de viagem e escolher que produtos você vai levar é pensar em quanto tempo você vai passar no seu destino, o que vai fazer por lá e, é claro, qual é o destino em si.

Pense em o que você vai precisar em sua rotina para rosto, corpo e cabelo durante os dias da sua viagem. Então, comece separando os itens que você gostaria de levar. Se no final for muita coisa, pense no que você realmente precisa e o que poderia ser deixado de lado pelo tempo da viagem. Mas, se você não sabe bem ao certo o que levar, mostrei as coisas que costumo levar em viagens no vídeo acima, é só dar o play e aproveitar as dicas e ideias de produtos.

Está planejando uma viagem internacional? Confira 10 Dicas para planejar uma viagem internacional.

 


Barberino Designer Outlet em Florença

Outlet em Florença (Firenze) com grifes como Prada, Dolce & Gabbana, Pinko, Michael Kors, Blumarine e muitas outras com até 70% de desconto. O Barberino Designer Outlet fica a 30km de Florença e é uma ótima opção de compras, especialmente para quem procura marcas de luxo a preços menores.

Firenze / Florença - Itália

Florença (ou Firenze em italiano) é uma cidade lindíssima, mas é claro que você encontra muito mais do que obras de arte e uma arquitetura incrível. Além das inúmeras boutiques italianas e internacionais na cidade, sendo uma das principais cidades da Itália, é claro que Florença não poderia deixar de ter um outlet com marcas de luxo ali pertinho.

O Barberino Designer Outlet parece uma villa e é super bonitinho, naquele estilo de outlets que tem pela Europa em que cada loja tem a sua “casinha” (assim como também são os outlets da rede Chic Outlet). Esse é do grupo McArthurGlen, que também tem outros outlets ao redor do mundo.

Barberino Designer Outlet em Florença

O outlet é um lugar gostoso para fazer compras, mas pode estar um pouco cheio. Quando estive lá, no início de janeiro de 2014, as lojas estavam um pouco cheias, eram os primeiros dias de janeiro, bem o período após o Natal. As marcas mais procuradas são as que costumam estar com as lojas mais cheias e com fila nos caixas. Se você for visitar o outlet em alta temporada, evite ir com muita pressa.

• Barberino Designer Outlet: Marcas

Barberino Designer Outlet na Itália

O Barberino Designer Outlet tem mais de 100 lojas com descontos de até 70% durante o ano inteiro. Além das tradicionais grifes italianas como Prada e Dolce & Gabbana, o outlet também tem marcas esportivas como a Adidas e Puma e outras marcas mais acessíveis como Guess e a Desigual.

O que muita gente sempre pergunta é “vale a pena visitar o outlet?”

Vale lembrar que as marcas de luxo, mesmo com seus descontos, não quer dizer que se tornam valores baratos, mas são bem menores que os originais da coleção vendida nas lojas. Quem procura produtos dessas marcas de luxo, com certeza vai encontrar peças e acessórios interessantes com preços bem mais atrativos. Visitei as principais lojas do outlet e as peças estavam bem bonitas e usáveis, são coleções passadas, mas não são peças feias, ultrapassadas ou totalmente fora de moda, são super usáveis. Especialmente as marcas que vendem sapatos e bolsas, é possível encontrar acessórios lindos e atemporais.

 

Furla tem outlet em Firenze

Separei uma lista com as principais marcas que você encontra nesse outlet próximo à Florença na Itália:

• Grifes: Blumarine, Bottega Veneta, Cavalli Class, Clarks, Corso Roma (multimarcas de sapatos de luxo), Furla, Hugo Boss, Lacoste, Michael Kors, Prada, Polo Ralph Lauren, Samsonite, Sunglass Time, Tomy Hilffiger, Trussardi, 7 For All Mankind.

• High street: Desigual, Guess, Levi’s, Pinko, United Colors of Benetton.

• Beleza: Douglas (multimarcas de cosméticos, perfumes e maquiagens), L’Oréal Paris.

• Esportivas: Nike, Adidas, Puma.

O Barberino Desginer Outlet também tem alguns cafés e, a propósito, para chocólatras de plantão, uma confeitaria de luxo da Lindt.

 

• Como chegar no outlet:

Mapa do Barberino Designer Outlet

Próxima à Firenze (Florença em português, mas fiquei muito acostumada com o nome original em italiano e sempre esqueço da “tradução”, rs) está a cidade de Barberino, então você já pode imaginar que o Barberino Designer Outlet fica em Barberino. Você pode chegar no outlet de carro ou com um dos serviços de transfer que outlet oferece saindo de Florença. Quando visitei o outlet, eu estava na casa de alguns amigos da família, por isso fomos para lá de carro.

– De carro:

Ir pela A1 de Florença com sentido para Bologna, depois pegara a saída Barberino di Mugello.

– Transporte do outlet:

O Barberino Designer Outlet oferece um shuttle diário que saí da Piazza della Stazione n.44 ou um transfer saindo de hotel das cidades de Firenze, Fiesole e Scandicci. Para as informações completas sobre como chegar lá, é só visitar essa página no site do outlet.

 

Outlet em Firenze na Itália / Florença

 

Barberino Designer Outlet: 
• Endereço: Via Meucci snc, 50031 Barberino di Mugello (FI), Itália.
Telefone: +39 055 842161 | Site: Barberino Designer Outlet.

 

Vai para Londres? Conheça a Oxford Street, o paraíso das compras em Londres. Para Paris? Conheça a Citypharma, com os melhores preços de cosméticos em Paris.


10 Dicas para planejar uma viagem internacional

Uma coisa que muita gente sempre me pergunta: Como planejar uma viagem internacional? Aí eu sempre dou várias dicas, mas como costumo ser bem detalhista, toda vez que alguém pede, lá vem um texto enorme com muitas dicas. Então separei 10 dicas de Como Planejar uma Viagem Internacional de sucesso, um guia completo, que agora você lê aqui no blog ou assiste no vídeo logo abaixo.

Como planejar uma viagem internacional

Você pode escolher entre assistir o vídeo com todas as dicas ou conferir o post em texto. São 10 dicas de como planejar uma viagem internacional, com dicas de viagem desde o início a respeito de visto, como comprar passagem, muitas dicas para fazer o seu roteiro de viagem e de como arrumar a mala de viagem. Quer ver o vídeo? Dá o play (ou pule para o texto logo abaixo):

Vídeo: Como planejar uma viagem internacional.

 

• 10 Dicas de viagem: Como Planejar uma Viagem Internacional

Você escolheu seu destino de viagem internacional e já está super animado para a viagem, e aí? Como começar? Confira as 10 dicas de viagem básicas para planejar a sua viagem internacional mesmo que essa seja a sua primeira viagem!

• 01 Vistos & Vacinas

Vistos e vacinas - Dicas de viagem

A primeira coisa a conferir é saber se o país (ou países) que você vai viajar exige algum visto prévio antes de você embarcar na viagem. Alguns países como os Estados Unidos exigem um visto prévio para brasileiros e você precisa agendar com o consulado deles no Brasil para fazer uma entrevista, esse é um processo mais demorado, então você precisa levar em conta esse tempo no seu planejamento da viagem, para que dê tempo certinho. Para outros países não é necessário um visto prévio para turismo de até 3 meses, como na Europa nos países que pertencem ao Espaço Schengen.

Alguns países exigem vacinas específicas para você entrar no país, então é importante conferir isso também com antecedência.

 

• 02 Comprar as passagens

Passagens - dicas de viagem

Você pode comprar as passagens em agências de turismo ou diretamente com as companhias aéreas. Quem está planejando uma viagem internacional mais econômica e quer comprar passagens baratas ou em promoção, vale ficar sempre conferindo os valores para encontrar o melhor custo benefício para a sua viagens. Confira diferentes dias da semana, para ver qual o melhor valor para as suas datas de passagem.

Sites como o SkyScanner mostram o valor de passagens de várias companhias aéreas em um único lugar, ótimo para você comparar os preços de passagem. No entanto, se você quer economizar na passagem e comprar uma passagem barata, aconselho pesquisar em sites como o SkyScanner, mas comprar no site direto da companhia aérea, sites como esse costumam cobrar taxas e encargos e o valor final da passagem fica mais caro do que se comprada diretamente no site da companhia. No Melhores Destinos você também encontra várias passagens de promoção que o site encontra.

 

• 03 Quem vai fazer o roteiro? Agência X Você.

como fazer um roteiro de viagem

Quem vai fazer o seu roteiro de viagem? Você vai contratar uma agência de turismo ou vai fazer tudo sozinho? Eu gosto de fazer o meu próprio roteiro de viagem toda vez, pois gosto de conhecer além dos principais pontos turísticos de uma cidade, lugares diferentes e mais locais que não costumam estar em um roteiro típico de uma agência de turismo.

Outra coisa, se você quer economizar, a dica é fazer o roteiro você mesmo!

 

• 04 Como fazer o roteiro de turismo da sua viagem internacional?

Várias dicas são importante na hora de fazer o seu roteiro de viagem internacional. Confira o meu passo a passo que eu uso em minhas viagens.

Como fazer um roteiro de viagem

– 1˚ Passo: Escolha os lugares que você quer visitar em cada cidade que você vai viajar. Depois coloque todos os pontos turísticos, restaurantes, museus e etc que você quer visitar na cidade em um mapa. Você pode usar o Google Maps para fazer o seu mapa. Dessa forma você confere o que fica próximo a que e pode montar o seu roteiro com os lugares que vai visitar em cada dia. (more…)


Look para viajar (airport style)

Na hora de enfrentar as longas horas de voo em um aeroporto, o look para viajar é algo importante para se sentir confortável, especialmente se você vai cruzar os oceanos em voos longos. Mas isso não quer dizer que você precisa ir com o mesmo look que vai para a academia, dá sim para ficar confortável, mas com estilo na hora de viajar.

Look para viajar - airport style

Capa: AMARO | Suéter: Asos | Saia: Topshop | Sapatilhas: Carmen Steffens Park Shopping Barigüi | Bolsa: H&M | Fotografia do look: Juliana Pimentel | Cabelo: Victor Hugo (Torriton Trend)

 

Não é apenas uma legging de academia que é uma peça confortável, existem várias opções de looks na hora de escolher um look para viajar, seja um voo curto ou longo. Claro que em voos mais longos você pode estar mais confortável para dormir no voo ou fazer conexões quando necessário. Por isso, peças mais soltas, sapatos confortáveis como sapatilhas e casacos ou lenços são super úteis para viajar (já que dentro do avião costuma ser mais friozinho).

Para quem tem dúvidas na hora de escolher um look para viajar, trouxe várias dicas de looks para viajar e looks de inspiração, como ficar confortável e algumas dicas de quem já enfrentou voos longos e várias conexões.

 

• Como Escolher o look para viajar?

Look para viajar com capa e saia

Nesse post trago várias dicas pensando em voos mais longos, mas que também podem ser usadas em voos mais curtos. Claro que em um voo curto de uma ou 2 horas ou do tipo Curitiba – São Paulo que tem em média 45 min, não há necessidade de muita coisa, estando com uma roupa apropriada para o local, não tem porque não usar um sapato de salto alto ou já estar com a roupa do que vai fazer assim que chegar no destino final.

 

• Viagens para diferentes climas:

Looks no aeroporto - Jessica Stein

Jessica Stein do Tuula Vintage

Na hora de viajar, se você vai mudar de hemisfério e vai para países como EUA ou algum na Europa, você vai mudar de hesmifério e, com isso, de estação. Então já precisa pensar nos diferentes climas entre o Brasil e seu destino final, além de possíveis conexões.

Imagine o meu exemplo em uma viagem que fiz: em dezembro, saí de Curitiba, fiz escala no Rio de Janeiro e o destino final era a Alemanha. Ou seja, saí do verão ameno de Curitiba, passando pelo calor do RJ em dezembro para ir para uns 5˚C do inverno na Alemanha. O look precisava se adaptar a todas essas temperaturas. Por isso é sempre importante dar uma olhada na previsão do tempo do seu destino final quando vai fazer voos longos, especialmente os internacionais.

 

Quer dicas de como planejar uma viagem internacional? Confira 10 Dicas para não esquecer na hora de planejar a viagem.

 

• O que vestir no look para viajar?

Looks para viajar no aeroporto

Se você está saindo do verão para inverno ou vice-versa, você vai precisar de um casaco e até mesmo porque no avião costuma ser mais frio, sempre é bom ter um casaco à mão. Eu também gosto de um lenço ou cachecol que também é ótimo para usar no avião ou em lugares frios, seja o destino ou seu ponto de saída.

E com essa nova tendência das capas e ponchos, eu adorei as capas para viajar, pois elas parecem quase um cobertor, são super quentinhas e mais confortáveis do que os casacos para usar na hora de dormir durante o voo.

 

Looks com sobreposição

A principal dica é se vestir com sobreposições, assim você consegue adaptar o look para os diferentes climas. Sem casaco/casacos para o local quente e com todas as camadas para o local frio. Se a diferença de temperatura entre sua cidade e o destino é grande, comece o look com peças mais leves como uma blusa e um casaquinho leve, depois um casaco mais pesado e um lenço ou cachecol.

O principal ponto é estar confortável e claro que confortável varia de pessoa para pessoa, mas roupas mais soltas são bem mais confortáveis do que roupas coladas, ninguém vai querer passar 10 horas tentando dormir em um vestido super colado. Sapatos sem salto como sapatilhas e botas baixas são mais confortáveis do que um super salto e agora que os sneakers voltaram à moda de uma forma mais fashion, também são ótimos calçados para viajar.

Look para viajar - Camila Coelho

Camila Coelho e seus looks com sneakers no aeroporto.

• Evite tecidos finos e que amassam muito (como a seda), ao passar horas sentada no voo, você não vai querer chegar no destino final com a roupa toda amassada, não é? Outra dica é que as peças estampadas deixam o amassado menos aparente, por isso vale apostar em estampas no look para viajar, já que disfarçam as várias horas de voo.

• Calças com stretch: Se você escolheu usar um look com calça para viajar, aposte em calças com stretch, que são mais confortáveis para passar um longo período de tempo. Seja uma calça jeans ou de brim, os modelos com stretch vão deixar você mais confortável no voo.

Looks no aeroporto - Thássia Naves

Looks da Thássia Naves no aeroporto.

Looks de aeroporto - Camila Coutinho

A Camila Coutinho também é fã de looks super confortáveis com sneakers.

E aí, você vai pra onde? Confira minhas dicas de viagem sobre alguns destinos nacionais e internacionais.

Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário aqui me perguntando.   :)


TOP 10 Castelos na Europa para encantar

Confira um TOP 10 castelos na Europa para encantar e conhecer muita história em sua viagem.

Simplesmente tenho uma fascinação indescritível por castelos e também inexplicável, toda a história por que já passaram e quanto mais antigo, melhor! Por isso, castelos sempre estão no meu roteiro de viagem para qualquer lugar que tenha um e a Europa é cheia deles. Separei um TOP 10 castelos na Europa que são encantadores e quase mágicos para vocês visitarem.

Castelos na Europa - Viagem

Na foto o Castelo de Neuschwanstein, um dos mais lindos e mágicos que eu já visitei.

Existe uma diferença entre castelo e palácio (castelo seria mais rural e eles surgiram para proteger os feudos na idade média, já o palácio é urbano), mas adoro visitar os dois tipos e a lista inclui castelos e palácios na Europa. Ambos foram criados para a realeza e nobres e, exatamente por isso, costumam ser super luxuosos.

Países como França, Itália, Alemanha e Reino Unido estão repletos de castelos e, claro, não são os únicos países na Europa a ter castelos e palácios maravilhosos, mas são os que estão nessa lista de castelos na Europa. Entre os mais famosos estão o Castelo de Neuschwanstein na Alemanha, o Palácio de Versalhes na França e o Castelo de Windsor no Reino Unido, que também estão entre os 20 castelos mais visitados no mundo (em lista divulgada pelo site Travel+Leisure).

 

1. Castelo de Neuschwanstein

Castelo de Neuschwanstein próximo a Füssen - Alemanha

Se você pensar em um castelo de conto de fadas, é o de Neuschwanstein que vem à memória. Dizem ser o castelo real que inspirou Walt Disney no castelo símbolo da Disney. O Castelo de Neuschwanstein é um castelo do século XIX que fica em Hohenschwangau, próximo a Füssen na Bavária (Alemanha). O castelo foi construído para Ludwig II da Bavária e foi aberto ao público após a sua morte, em 1.886. A foto mais típica do castelo é essa que abriu o post com o castelo de lado que é todo branco, mas a sua entrada é essa da última foto “cor de tijolo”.

O Castelo de Neuschwanstein é um castelo na Europa realmente incrível, que também tem vistas maravilhosas (como a da foto logo abaixo que ainda considero uma das mais lindas que já fotografei até o momento). Lá tem dois castelos, o outro é o Castelo de Hohenschwangau, esse amarelo que aparece nessa foto:

Vista do Castelo de Neuschwanstein

 

2. Palácio de Versalhes (Domínios de Versalhes)

Palácio de Versalhes - França

Outro entre os castelos mais visitados do mundo, o Palácio de Versalhes fica no Domínio de Versalhes, que na verdade tem 3 castelos: o Palácio de Versalhes, o Grand Trianon e o Petit Trianon. O palácio é o mais conhecido e muita gente às vezes nem sabe da existência dos outros dois ou especialmente do Petit Trianon. Mas os três são castelos lindíssimos e vale separar um dia inteiro para poder visitar os três em Versalhes.

A construção do Palácio de Versalhes começou com um pequeno castelo em 1624, mas foi Louis XIV que o tornou um dos maiores palácios do mundo na época. O Palácio de Versalhes é extremamente luxuoso, com muito ouro, dourado, luxo e ostentação. Com uma variedade de jardins e lugares para visitar, o Domínio de Versalhes é enorme, então prepare-se para andar bastante quando for visitá-lo. Próximo à Paris, você pode chegar em Versalhes com o trem regional de Paris e passar o dia visitando os castelos.

 

3. Louvre:

Louvre em Paris

Não se deixe enganar pelas modernas pirâmides do Louvre, o museu já foi um palácio e hoje é o 2˚ castelo mais visitado no mundo inteiro (com mais de 9 milhões de visitantes por ano). O Louvre original era uma fortaleza que teve sua construção completa em 1202 e hoje suas “ruínas” e descobertas arqueológicas estão no museu na área medieval.

De 1360 a 1380, a fortaleza foi transformada em um Palácio e passou a ser a residência da família real em Paris até a mudança com Louis XIV para Versalhes em 1682. E, após 1793, o Louvre passou a ser um museu. Como os grandes palácios luxuosos da Europa, além das obras de arte do museu, existe muito o que ver no Louvre, como as paredes e tetos que são obras de arte por si só.

 

4. Palácio de Hampton Court

Palácio de Hampton Court na Inglaterra

Na Inglaterra, o Palácio de Hampton Court ficou famoso por ser a residência do rei Henrique VIII. Ele começou a ser construído em 1514 pelo Cardinal Thomas Wosley e depois passou para Henrique VIII, que ampliou o palácio. Quem assistiu a série “The Tudors” ou conhece a história do rei, provavelmente está familiarizado com os nomes. Após Henry VIII, no século seguinte, o palácio foi ampliado para ser um rival do Palácio de Versalhes, por isso ele tem construções com arquiteturas tão diferentes. Esse é o outro lado do Palácio de Hampton Court: (more…)



Page 1 of 3123